ROMARIA A CALDAS NOVAS 2016

ROMARIA A CALDAS NOVAS 2016

Por : Mario Apone

Segundo Padre Ildefonso, esta foi a segunda Romaria patrocinada por nossa comunidade ao Santuário Diocesano de Nossa Senhora da Salete, em Caldas Novas (GO); a primeira Romaria foi quando foram levadas as imagens que compõem o fac-símile do Santuário goiano, gentilmente doadas por famílias de benfeitores aqui da nossa Paróquia. Os Leigos Saletinos são responsáveis pelas Romarias em território nacional, aqui na Paróquia. Cumprida esta etapa, entre os dias 12 e 16 de outubro passado, a ideia é promover a Romaria para Caldas Novas, uma vez por ano.

A crise econômica por que passa nosso país foi determinante no número de romeiros que participaram da Romaria. A previsão era de 46 romeiros, dada os comentários que a organização recebeu durante o primeiro semestre deste ano. No final, apenas 22 romeiros confirmaram a participação e a presença do Padre Nilto Gasparetto, que acompanhou o grupo com alegria e determinação, apesar das suas dificuldades de locomoção.

Entre os participantes da Romaria, citamos a presença de 8 leigos saletinos aqui do Santuário, além da presença do Guilherme Corrêa, leigo saletino mirim, representando todo o grupo de leiguinhos. Guilherme é filho do casal Andréa e Roberto Corrêa.

O grupo de romeiros ficou hospedado no complexo hoteleiro do grupo Di Roma, mais precisamente, na unidade L’Aqua Di Roma IV, desfrutando as delícias do complexo aquático e das demais instalações ofertadas. Por indicação do Padre Ildefonso, a Srta. Débora Sales foi nossa guia durante a estada em terras goianas. A empresa Abratur, tradicional parceira de nossa comunidade, nos alugou o ônibus que conduziu o grupo de romeiros.

Incluída na programação, estava a visita ao Santuário do Pai Eterno, da cidade de Trindade, distante cerca de 190 quilômetros de Caldas Novas. Em Trindade, os romeiros percorreram a Via Sacra, feita em imagens de cimento, em tamanho natural dos personagens, visitaram a Igreja Matriz e o Santuário, onde fizeram compras de artigos religiosos e participaram de uma celebração eucarística.

Em Caldas Novas os romeiros tiveram uma extensa agenda de compromissos, além das celebrações das quais participaram: visitaram alguns dos pontos turísticos da cidade; Missa na Igreja Matriz, cujo Pároco, Padre William, os recebeu com carinho; visitaram o Hot Park, em Rio Quente; conheceram o Santuário Salette, cujas obras caminham a passos rápidos e passaram pela Porta Santa do Santuário – verdadeira obra de arte - e, à noite de sábado, participaram da Missa, presidida pela Padre Daniel Aguirre.

Como se sabe, além do Reitor, Padre Daniel, a comunidade é assistida pelo Padre Francisco Santos, responsável pelo acolhimento dos romeiros, e pelo Padre Ildefonso Salvadego, responsável pelas obras do Santuário. Padre Ildefonso não estava presente, desfrutando suas merecidas férias no Paraná, visitando parentes e amigos. Na noite de sábado, o grupo se reuniu numa pizzaria da cidade, confraternizando com Padre Daniel. Para surpresa de todos, Padre Ildefonso chegou, sorridente como sempre, feliz em reencontrar amigos que aqui deixou. Antecipou seu retorno em um dia exatamente para encontrar-se com o grupo de romeiros.

No domingo, logo após o café matinal, a hora do retorno. Encerrar as contas, revisar armários, fechar as malas, dar a última olhada para o hotel, entrar no ônibus onde o guia aflito aguardava o grupo de romeiros. 750 quilômetros depois, a chegada ao Santuário Salette aqui de S. Paulo, onde o grupo se despediu, não sem antes fazer sua última oração diária, agradecendo a Deus e a Nossa Senhora da Salette por mais essa jornada religiosa.

Galerias de fotos