PEREGRINOS EM VISITA

PEREGRINOS EM VISITA

Por : Mario Apone

Depois de sete dias andando por terras portuguesas, o Grupo Peregrinos de La Salette chegou a Oliveira dos Azeméis, próxima à cidade do Porto. Deus foi bondoso com o grupo: deu-lhe um dia excepcional, com um Sol brilhando desde o amanhecer, antevendo as maravilhas que estavam por vir.

Oliveira dos Azeméis é uma pequena cidade, incrustada entre vários morros, e entrecortada por ruelas estreitas, que dificultam o transitar do ônibus, exigindo perícia do condutor. No topo do morro mais alto da cidade há um parque: o Parque de Nossa Senhora da Salette.

Como? Parque Nossa Senhora da Salette? Isso mesmo: Parque Nossa Senhora da Salette. No centro do parque, a Igreja dedicada à Nossa Senhora da Salette, aparenta ser uma edificação fortificada; dentro, a simplicidade e a espiritualidade saletina reflete-se na imagem de Nossa Senhora da Salette, ladeada por Maximino e Melânia, e duas vaquinhas; diferente do que estamos acostumados a ver, mas, sem dúvida nenhuma, a imagem de Nossa Senhora da Salette, traz as lembranças de casa, do Brasil querido.

O Parque é muito bem cuidado pela comunidade e autoridades locais; respira-se ar puro, entre árvores e caminhos pelos quais transitam pessoas de todas as idades; até um pequeno parque infantil existe. Uma fonte, de arquitetura curiosa, deixa dúvidas a quem visita pela primeira vez: foi esculpida na pedra já existente ou mantem o formato original? Não importa, é linda, a água é gostosa, não se passa a sua frente sem se deter e beber um pouco dessa água, que remete a fonte no alto da Montanha.

O guia chama rápido, há uma extensa agenda a cumprir, mas, antes, deu tempo para as orações matinais, encerrada pelo Lembrai-vos! E pelo canto de Nossa Senhora da Salette.

Mario Apone
Leigo Saletino

Galerias de fotos